Bodegas Barberis

A Bodega Barberis está situada em Los Sauces, na região de Guaymallén, Mendoza, Argentina. Sua história tem início em 1965, quando Don Humberto Barberis compra seus primeiros vinhedos e realiza um antigo sonho familiar: construir uma bodega capaz de elaborar vinhos de alta qualidade.

A experiência obtida durante longos anos dedicados ao cultivo e cuidado de suas videiras o encorajou a adquirir, em 1989, a grande bodega de Vistalba, Luján de Cuyo.

Durante os anos que se seguiram, o vinho produzido era também vendido a outras bodegas que reconheciam suas virtudes e qualidades, e tal reconhecimento proporcionou sua participação em diferentes concursos internacionais e a obtenção de prêmios importantes.

Após anos elaborando vinhos próprios e outras marcas para reconhecidos grupos chilenos que começavam a se instalar na Argentina, decide vender a bodega de Vistalba e comprar e reciclar uma antiga bodega, transformando-a em um projeto único, dotado da mais alta tecnologia, para assim se dedicar exclusivamente à alta qualidade de suas marcas.

Atualmente, o controle do cultivo de mais de 200 hectares de variedades nobres de vinhedos, implantados em Maipú, Vistalba e Agrelo (Luján de Cuyo), Santa Rosa, Tupungato (Valle de Uco) e seu recente plantio em Ugarteche, está sob acompanhamento permanente e conta com o apoio de técnicas desenvolvidas para a obtenção de excelentes uvas que convergem para seus vinhos de grande variedade e qualidade premium.

A colheita é realizada manualmente, a recepção das uvas é feita em recipientes de aço inoxidável com alimentador variável e a desengaçadora é de última geração. A fermentação dos sumos ocorre em recipientes com acabamento PRFV em epóxi e todos os acessórios são de aço inoxidável. Os vinhos brancos e as pequenas partidas são elaboradas em pequenos tanques de aço inox da mais alta tecnologia. O fornecimento da água fria necessária para a condução das fermentações é centralizado e a prensagem é realizada com equipamento pneumático. As remontagens são efetuadas com tecnologias da casa desenvolvidas por Don Humberto, e as mesmas possibilitam mais polifenóis (antioxidantes naturais) e maior extração dos melhores taninos e aromas.

A tradição da Bodega Barberis conta com a participação ativa de seus filhos, que trouxeram modernização à bodega e à comercialização dos vinhos de marca própria no mercado argentino e também no mercado internacional.

 

CAVA NEGRA TORRONTES

Teor alcoólico: 13%.
Rendimentos obtidos: 13.000 kg/ha.
Notas de degustação: de cor amarelo ouro vibrante. No nariz, aromas de flores, com toques marcantes de pétalas
de rosa.

[ + ]

CAVA NEGRA CABERNET SAUVIGNON

Teor alcoólico: 13%.
Rendimentos obtidos: 13.000 kg/ha.
Notas de degustação: é um vinho de cor rubi vivaz. Apresenta-se intenso em aromas de pimentão vermelho e frutas maduras.

[ + ]

CAVA NEGRA MALBEC

Teor alcoólico: 13%.
Rendimentos obtidos: 13.000 kg/ha.
Notas de degustação: é um vinho jovem de cor vermelha brilhante com tons violáceos. Marcada presença de frutas vermelhas (ameixa),

[ + ]

CAVA NEGRA MERLOT

Teor alcoólico: 13%.
Rendimentos obtidos: 13.000 kg/ha.
Notas de degustação: é um vinho de cor vermelha com tons violáceos. Aromas generosos de frutas vermelhas com predominância de ameixas.

[ + ]

CAVA NEGRA CHARDONNAY

Teor alcoólico: 13%.
Rendimentos obtidos: 13.000 kg/ha.
Notas de degustação: variedade de cor dourada com reflexos verdes muito sutis. Intenso em aromas frutados como abacaxi e maçã.

[ + ]

FINCA LA DANIELA CHARDONNAY

Teor alcoólico: 13%.
Rendimentos obtidos: 10.000 kg/ha.
Notas de degustação: de cor amarela com reflexos verdes, no nariz apresenta notas de abacaxi,

[ + ]

FINCA LA DANIELA TORRONTES

Teor alcoólico: 13%.
DO: Provém de um vinhedo localizado em Cafayate, Salta.
Rendimentos obtidos: 10.000 kg/ha.
Notas de degustação: de cor ouro brilhante.

[ + ]

FINCA LA DANIELA MALBEC ROSÉ

Teor alcoólico: 13,9%.
Rendimentos obtidos: 10.000 kg/ha.
Vinificação: seleção manual de racimos com maceração pré-fermentativa a 10ºC por 24 horas. Depois,

[ + ]

FINCA LA DANIELA MALBEC

Teor alcoólico: 13%.
Rendimentos obtidos: 10.000 kg/ha.
Notas de degustação: de cor violeta avermelhada, no nariz se apresenta terroso, fresco, com frutas maduras e notas de especiarias.

[ + ]

FINCA LA DANIELA CABERNET SAUVIGNON

Teor alcoólico: 13%.
Rendimentos obtidos: 10.000 kg/ha.
Notas de degustação: de cor vermelha com tons violetas, no nariz deixa marcas de cerejas maduras,

[ + ]

FINCA LA DANIELA TEMPRANILLO

Teor alcoólico: 13%.
Rendimentos obtidos: 10.000 kg/ha.
Notas de degustação: de cor vermelha escura com reflexos violáceos. No nariz oferece potentes aromas de marmelada e especiarias.

[ + ]

FINCA LA DANIELA MALBEC RESERVA

Produção: 10.000 garrafas.
Rendimentos obtidos: 6.500 kg/ha.
Teor alcoólico: 13,9%.
Vinificação: somente em anos excepcionais, é separada uma parcela de mosto e efetuado o corte da variedade Malbec para criação em barricas de carvalho.

[ + ]

FINCA LA DANIELA CABERNET SAUVIGNON RESERVA

Produção: 10.000 garrafas.
Rendimentos obtidos: 6.500 kg/ha.
Teor alcoólico: 13,9%.
Vinificação: somente em anos excepcionais, é separada uma parcela de mosto e efetuado o corte da variedade Cabernet Sauvignon para criação em barricas de carvalho.

[ + ]

FAMILIA BARBERIS MALBEC

Rendimentos obtidos: 8.000 kg/ha.
Teor alcoólico: 13,9%.
Envelhecimento: 30% do vinho em barris de carvalho francês Alliers e da Califórnia por 12 meses.

[ + ]

FAMILIA BARBERIS CABERNET SAUVIGNON

Rendimentos obtidos: 8.000 kg/ha.
Teor alcoólico: 13,5%.
Envelhecimento: 30% do vinho estagiou em barris de carvalho francês Alliers e da Califórnia por 12 meses. 

[ + ]

HUMERTO BARBERIS GRAN RESERVA MALBEC

Produção: 10.000 garrafas.
Teor alcoólico: 13,5%.
Rendimentos obtidos: 3.500 kg/ha.
Envelhecimento: 100% do vinho permaneceu em barris de 225 litros de carvalho francês Taransaud durante 14 meses.

[ + ]

Imprensa

CAVA NEGRA
Guia de Vinhos Quatro Rodas.
Os melhores 78 do Chile e Argentina – 2008.
Cava Negra Merlot 2006.

“Tinto jovem da Familia Barberis, o que se confirma pela cor violácea e pelos aromas bastante frutados, de morango e ameixa vermelha. Na boca, tem taninos maduros, macios. Revista Gula (Guia de Vinhos 2008), sobre o Cava Negra Malbec 2005, eleito entre os melhores vinhos a venda no Brasil.

“Platino Robusto – Tinto argentino da adega Familia Barberis, da província de Mendoza. Encorpado, tem taninos firmes, boa estrutura, e sabor frutado agradável”. Jorge Carrara (Folha de S. Paulo), sobre o Cava Negra Malbec 2004.

Cava Negra Malbec – eleito por 3 vezes consecutivas (safras)
Best Buy (melhor compra), pela revista Wine Enthusiast (EUA).

FINCA LA DANIELA
Guia de Vinhos Quatro Rodas.
Os melhores 78 do Chile e Argentina – Agosto 2008.
Finca La Daniela Cabernet Sauvignon 2006.
Finca La Daniela Chardonnay 2006.

Finca La Daniela Malbec 2002 – eleito Best Buy (melhor compra) pela revista Wine Enthusiast (EUA).

“Outro campeão em sua faixa, com aromas complexos a fruta, chocolate e café. Tem bom corpo, estrutura, boa acidez, taninos macios e gostosa elegância final”. Revista Gula (lista dos melhores vinhos de 2007), sobre o Finca La Daniela Cabernet Sauvignon 2004.

“Aromas surpreendentes para um vinho nesta faixa de preço, recordando café, licor de cacau e tabaco. Na boca, tem estrutura, sem perder a elegância, boa acidez, taninos redondos, fruta e um conjunto equilibrado e harmonioso”. Revista Gula (Guia de Vinhos 2007), sobre o Finca La Daniela Cabernet Sauvignon 2004, eleito Campeão na sua faixa de preço.

“Doce equívoco: provei o vinho esperando a madeira no bouquet. Mas o que veio em minha boca foi uma explosão de frutas…”. Ronald Sclavi – Revista Adega, sobre o Finca La Daniela Cabernet Sauvignon 2004.

HUMBERTO BARBERIS
“Uau! Este vinho está próximo da perfeição. Violetas correm para fora da taça para preencher seu nariz, seguida por framboesa, baunilha e frutas vermelhas. Malbec no seu melhor”. Revista Grape Antecipation (EUA), sobre o Humberto Barberis Gran Reserva 1999, 97 pts.

“Aromas intrigantes de xarope de cereja, mentol e cominho. Sabores de cereja vermelha, hortelã e semente de tabaco no céu da boca. Taninos macios, carvalho bem integrado e um delicioso final com notas de pimenta rosa, curcuma e canela. Um vinho elegantemente elaborado, de grande sutileza e um belo caráter varietal representando o terroir”. The Wine News (EUA), sobre o Humberto Barberis Gran Reserva Malbec 2004, 93 pts.

“Muito boa fruta, viva, intensa, equilibrada. Taninos finos, com corpo, elegante, bem-arrumado, muito bom de beber”. Revista Gula (Malbec superiores), sobre o Humberto Barberis Gran Reserva Malbec 2004.

Humberto Barberis Malbec 1999 – eleito o melhor Malbec argentino (Medalha de Ouro) em Atlanta (EUA), Wine Fair 2002.